14 dicas para encontrar a felicidade

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

felicidade1

Fe.li.ci.da.de: Qualidade, condição ou estado de feliz; grande satisfação ou contentamento.

Existem algumas verdades a respeito da felicidade que eu quero compartilhar. Não vou fazer nenhum discurso de que sou a pessoa mais feliz do universo – afinal, não sou. A propriedade da minha escrita vem após ficar um mês em estado depressivo e ter refletido sobre o tema. Pra sair dessa, eu tive que buscar sentido na vida, que sair debaixo das cobertas e ir buscar a tal da felicidade.

Nunca houve tanta tecnologia e facilidade na vida. O mundo nunca esteve tão conectado e com tanta troca de informações. A sociedade está doente. Sim, eu afirmo e os estudos estão aí: Cada vez mais pessoas estressadas, ansiosas e depressivas. O ser humano conquista mais coisas e parece estar sempre insatisfeito.

Você já se questionou sobre a felicidade? Já teve dias que não quis levantar da cama e correr pra vida? Já pensou em desistir de tudo? Olhou para o lado e constatou que a grama do vizinho é mais verde? Pensou que nada dá certo? Sentiu-se sozinho? PARABÉNS! Você acaba de passar no teste que comprova sua humanidade, de carne e osso! #tamojunto

Não existe essa ideia de felicidade plena. E toda essa alegria online, full time e all time é mentira. Gente, é sério: essa vida de viagens do Instagram e esse contentamento todo no Facebook é baboseira. Não vou nem entrar nas juras eternas de amor mais feliz do universo dos casisl mega blaster perfeitos. Quem está feliz mesmo e amando muito… bem, está desconectado e fazendo coisas bem melhores. (Nesse momento deve ter muitas dúzias me xingando – paciência).

Não estou fazendo uma campanha contra as redes sociais. Afinal, adoro uma interação digital e trabalho com isso. Só quero fazer um alerta para que você não caia na mesma armadilha que eu.  A vida digital é bem diferente da real.

#1 – Ninguém é feliz o tempo todo.

Não caia nessa armadilha, vai. Os altos e baixos nos fazem crescer.

#2 – Tenha amor próprio.

Para ser feliz é necessário se amar. Ninguém é feito só de qualidades ou defeitos. Somos um mix e é muito bom buscar o desenvolvimento e equilíbrio. Sua insatisfação é com a aparência? Então cuide de você. Ninguém vai poder fazer isso por ti. Essa é uma decisão particular. Seja generoso e não se cobre tanto. Entenda que melhorias acontecem através de um processo. Digo isso tanto da beleza interior, quanto a exterior.

#3 – Essa felicidade do mundo virtual é mentira. Se necessário for, desconecte-se.

Eu fiquei quase um mês fora do Facebook. Vou confessar: Isso me fez um beeeeeem danado. Eu estava achando que minha vida era um lixo perto das coisas que via no meu feed de notícias. Além do mais, comecei a ver tanta mentira das pessoas que conheço há anos. Eu me decepcionei um pouco com alguns e isso me deixou pra baixo. Tem uma agência holandesa que até criou uma Campanha denominada “99 Days Of Freedom” . Eles não motivam cancelar sua conta – nem eu, mas querem através dessa experiência mostrar que gastamos tempo demais lá dentro do universo de Mark e esquecemos o que realmente é essencial e REAL.

Vale a pena assistir o vídeo que fala sobre a distorção da felicidade nas redes sociais.

#4 – Desacelera.

Essa vida acelerada está fazendo com que você perca a percepção das coisas e aja no automático. Tá na hora de pensar, planejar e tomar as rédeas da SUA vida. Desligue o celular, coloque uma música relaxante, deite na cama e não faça nada. Deixe seu cérebro pensar de modo mais devagar.

#5 – O que você quer?

Pergunta difícil essa. O importante é descobrir onde e com que você anda perdendo seu tempo. Será que você está investindo suas energias nas coisas certas? Se você não sabe, invista nessa descoberta.

#6 – Seja Grato.

A gratidão gera uma sensação de felicidade. Segundo uma pesquisa, ela eleva a taxa de alegria em 20%. Seja grato a Deus pelo dom da vida, as pessoas que fizeram você chegar até aqui, aos mestres que você encontrou e te ajudaram a ser quem você é hoje. Olha só essa experiência denominada A Ciência da Felicidade – eu amo esse vídeo.

#7 – Fé – Encontre uma razão maior para viver

Eu surtei quando me deparei com a ambição e agitação que estava vivendo. Só pensava em me superar cada vez mais, aprender mais, crescer mais… De repente, eu era apenas mais uma máquina do sistema. Me dei conta de que um dia vou morrer e não vai ficar NADA. O que você quer deixar na Terra? Qual o seu legado? Qual a sua missão? Encontrei as minhas respostas no cristianismo. Eu acredito e busco não viver só para mim. Todos os dias, eu penso: De que maneira posso influenciar pessoas? Como posso ajudá-las a terem fé? Qual a minha contribuição para um mundo melhor? Quando eu parei de olhar para o próprio umbigo e pensei no meu próximo, o fardo ficou mais leve. O verdadeiro sentido da vida vai além dos meus resultados, dinheiro e sucesso.

O sentido da vida é alimentar a vida – a sua e a dos outros.

# 8 – Desapegue

Uma das coisas que estou colocando em prática é o desapego. Desapego das minhas dores, traumas e medos.  Agora, o desapego que mais tem me feito bem é o de pessoas. Sabe aquele “ser” que só sabe falar palavras negativas? Aquela colega que lança toda a inveja e amargura do universo sobre você? Aquela que só suga suas energias? Lembra-se da amizade de anos que você batalha para manter e para dar certo? E o relacionamento que só você cede e faz de tudo para que tenha um futuro? DE-SA-PE-GA. Não é fácil, mas em nenhum dos tópicos do texto eu disse que seria. =P

#9 – Tenha planos e sonhos

Olha, eu concordo que existem situações na vida que a gente perde o controle e precisa deixar que o tempo se encarregue de ajeitar. Mas, não me venha com a síndrome de Zeca Pagodinho: “deixa a vidar me levar, vida leva eu…” Almeje coisas, faça listas de metas, planeje, sonhe com o possível e impossível. Viva o presente e desenhe um futuro. São os sonhos que nos fazem andar pra frente. Aproveita que é de graça.

#10 – Apaixone-se

Tenha uma paixão. Pode ser pessoa, hobby ou animal. Encontre algo que faça seus olhos brilharem. Que te motive a prosseguir na jornada.

#11 – Relacione-se com as pessoas

Você pode já ter se decepcionado bastante. Mas, todas as coisas que levam o ser humano a se sentir feliz: fé, gratidão, amor e esperança são originadas de relações interpessoais. Você pode encontrar isso na sua família ou nos seus amigos. O importante é ter pessoas ao seu lado.

#12 – Ajude alguém

É muito gratificante ver alguém que tinha dificuldades conquistar algo melhor. Pode ser que você ensine alguma coisa para uma pessoa ou ajude em um projeto social. O importante é doar um pouco do seu tempo. Tenha certeza de que a sensação de ajudar o próximo a crescer é indescritível.

#13 – Perdoe

Tem gente que perde o verdadeiro foco na vida e fica guardando amarguras no coração. Tenho uma notícia para você: Tá com raiva de alguém? Amargurada? Sério: Perdoe. Te garanto que a pessoa que vive mais presa e infeliz por causa desse sentimento é você. A pessoa que motivou esse sentimento no seu coração está lá vivendo a vida feliz e quem está deixando de aproveitar é você. Seja livre! Deus te ama e tenho certeza que outras pessoas também.

# 14 – Não mate a criança que existe em você!

Tome banho de chuva, role pela grama, cante no chuveiro, faça piada… Se você tiver e conhecer crianças, ótimo! Dedique um tempo para ficar próximo aos pequenos e veja como a vida é simples. Adultos possuem o dom de complicar as coisas.

Todo dia busco a felicidade. Tem dias que tenho mais sucesso, outros nem tanto. De coração, quando me dei conta dos tópicos acima, ficou bem mais fácil essa tarefa 😉

Que tal começar a ser feliz nas pequenas coisas?