BORA QUERER – uma reflexão sobre o timing dos relacionamentos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Young beautiful couple having fun in the nature of the countryside

Nada como começar essa reflexão sobre timing, vontades e relacionamentos com frases de How I Meet Your Mother. 

Robin: If you have chemistry, you only need one other thing.

Ted: What’s that?

Robin: Timing. But timing’s a bitch!

Diálogos da vida real: 

Amigas na academia….

  • Amiga, e você e o Dudu, como estão?
  • Ah, amiga! Timings diferentes. Ele quer um relacionamento sério e, eu, sinceramente nem sei o que quero no momento.

Amigas no barzinho de toda sexta…

  • Mas, e aí, doida… me conta como ficou a história entre você e Carlinhos?
  • Timings diferente, gatán… Ele acabou de alugar o apê dele aqui e tá indo morar em Juiz de Fora. Decidiu que quer novos ares e que não é nosso momento….
  • Mas, já vi tanta gente namorando à distância. Juiz de Fora nem é tão longe assim.
  •  Ah, mas pra gente é.

Quantas vezes você já escutou ou até foi protagonista de um diálogo desses?

A culpa é toda do timing.

Vamos ser sinceros? Essa é só mais uma desculpa que a gente coloca – ou dão para a gente de que não tá rolando…

Eu recordo de um momento da vida, onde eu estava super solteira convicta assumida mega blaster e não queria nada com ninguém.

Duas amigas me disseram:

– Amigaaaaa, você precisa conhecer o João. Ele é a sua versão de calças. Sério. Vocês são engraçados. Queridos pelos amigos, animam festas… Vocês precisam se conhecer. Só não vale se apegar. Porque você não quer nada com ninguém e ele muito menos. Ele corre de relacionamento.

– Tô dentro. Perfeito. Aceito os termos de uso! Tão difícil encontrar alguém na mesma vibe, né?!

Primeiro encontro: Não foi bem um encontro. A gente não queria nada sério, né mesmo? A gente saiu com os amigos… fomos nos divertir. Papo vai, Papo vem… a gente se divertindo…. Até que ele solta: Eu não quero nada sério. Na verdade, hoje para eu namorar, a mulher tem de ser muito ph@d4!

Na minha cabeça: Ok, guri. Ninguém aqui quer namorar, mas que na sua vida, eu não seja essa mulher….

A minha máxima resposta foi: Éh, eu também não quero namorar. Acabei de sair de um rolo. Ainda estou confusa. Vamos manter a “amizade”, né?

15 dias depois, estávamos em Relacionamento Sério no Facebook.

Que doidera! Nenhum dos dois queria… Não mesmo! Mas aconteceu. Como assim? Explica melhor…

A gente tinha um senso de humor parecido.

Tínhamos amigos em comum.

Profissões parecidas  – e um torcia muito pelo outro.

Uma vez eu fiz ele ir atrás de mim em uma grande casa de espetáculos. Foi um perrengue para ele chegar, uma verdadeira saga. Quando chegou na porta não tinha mais ingressos para a área onde eu estava e ele ia pra outra área do local – para não dar viagem perdida, aproveitou também que tinha váaaarios amigos lá. Sendo que euzinha aqui – que tinha ido com as amigas e nem o esperei – comecei a sentir febre e queria vir embora. Sabe quem voltou comigo e cuidou de mim? O cara que não queria nada sério. O cara que estava no timing diferente do meu.

Pois, bem. Nesse dia a gente começou a namorar.

Por que isso, gente? Porque a gente quis. Mesmo não estando nos planos. Mesmo tendo um pacote de diferenças. Nós escolhemos dar uma chance pra nossa história.  Foi bonito, foi …

Foi fofo, foi… e fui feliz ao lado dele.

Estamos juntos? Não.

Aprendi muito mais sobre o que quero numa relação depois disso. 

Ai, mas vocês nem ficaram juntos para sempre.

-Não! Mas, durou o tempo que tinha que durar. Teve amor, teve paixão e lições aprendidas. VIDA QUE SEGUE!

Pessoal, vamos aceitar uma coisa: os encontros na vida não tem data certa para acontecer. A gente não tem segurança e nem garantias que tudo sempre vai dar certo. #ComoFaz? Arrisca! Tenha coragem!

A moral da história aqui é…. a gente arruma muita desculpa para não dar chance a pessoas e histórias.

Alguns se escondem na carreira.

Outros em suas feridas passadas.

Tem aqueles que se assustam com distâncias.

Um bando que vive fugindo de se entregar…

Você quer saber o que de fato o que faz essas histórias não darem certo? É as pessoas não quererem…

Então, se tu quer viver uma história de amor…. uma relação bacana… MERMÃO…. BORA QUERER!

O que vem no pacote BORA QUERER, miga?

  • Bora querer fazer dar certo.
  • Bora escolher abrir mão desse mercado cheio de variedades, liberdades, mas que no fundo juntando duas dúzias de pessoas não dá uma pessoa inteira.
  • Bora querer abrir mão das nossas vontades.
  • Bora querer se arriscar.
  • BORA QUERER FAZER ALGUÉM FELIZ E SE PERMITIR SER FELIZ.

Relacionamento perfeito não existe.

Pacote completo da felicidade – SORRY, não existe!

BORA QUERER. PORQUE QUANDO A GENTE QUER, AS COISAS ACONTECEM!

A agenda desenrola

A gente abre mão

Arranja tempo pra ligar

Pra marcar naquela postagem boba no Facebook

Manda áudio…

Dá se um jeito.

A verdade é que nunca há um momento perfeito ou ideal para iniciar um relacionamento. E quando a gente quer… a gente muda status, muda de casa, de estado, de emprego… a gente muda a vida!